Opinião

“O principal problema na cultura do mirtilo é a mão de obra”

Sobre o recente Encontro Nacional de Produtores de Mirtilo.

Não há duvida que o mais importante para os produtores é a rentabilidade do campo, por isso, enquanto representante da COAPE, uma organização com responsabilidades na temática do mirtilo, espero que com este Encontro Nacional de Produtores de Mirtilo (decorrido em novembro último), se tenha percebido como é que a cultura pode ser rentabilizada ao máximo.

Julgo que o principal problema na cultura do mirtilo é a mão de obra, uma questão fundamental, dado que a curto prazo teremos muitos campos a produzir, pelo que tenhamos provavelmente de importar mão de obra para dar resposta às nossas necessidades.

Rui Costa, Cooperativa Agropecuária dos Agricultores de Mangualde