Bio Evento

NERSANT e Agrocluster levam Mesa Redonda de Bioeconomia a Santarém

A NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém e o Agrocluster Ribatejo continuam a dinamizar o projeto Bio-Ware, sensibilizando as empresas para a Bioeconomia, circularidade e sustentabilidade. O objetivo é dotar as mesmas de ferramentas que visam permitir um input na sua rentabilidade e competitividade no mercado.

A segunda de quatro Mesas Redondas dinamizadas pelo Bio-Ware, projeto dinamizado pela NERSANT e pelo Agrocluster Ribatejo, tem o mote “Desenvolvimento de produtos de valor acrescentado” e pretende a capacitação das organizações para desenvolverem novos produtos e serviços derivados de resíduos e dessa forma criarem e acrescentarem valor. As potencialidades do valor acrescentado como uma mais-valia é uma das bandeiras do programa deste programa de sensibilização para a Bioeconomia.

O workshop irá realizar-se na Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Santarém no próximo dia 19 de abril, pelas 15h00. Após a sessão de acolhimento, faz parte do programa a apresentação do projeto Bio-Ware – Programa de Sensibilização para a Bioeconomia, com todo o seu enquadramento, objetivos e áreas de atuação, à qual se seguirá a intervenção de Luís Girão da SPI – Sociedade Portuguesa de Inovação, com o tema “Tendências e caminhos estratégicos para as empresas”.

No seguimento do programa terá a palavra Lígia Rodrigues, do Centro de Engenharia Biológica da Universidade do Minho com a temática “Produtos de valor acrescentado a partir de resíduos dos setores Agro-Alimentar-Florestal”.

Para melhor demonstrar as potencialidades do tema central da Mesa Redonda, o workshop conta ainda com a intervenção da Sofalca – Sociedade Central de Produtos de Cortiça, Lda. na pessoa do seu CEO, Paulo Estrada, que irá dar a conhecer a experiência desta empresa do concelho de Abrantes no âmbito da bioeconomia.

Na reta final do workshop haverá lugar a debate que permitirá a partilha de experiências e criação de rede de contactos e conhecimentos sobre o tema, moderado pela SPI.

O projeto Bio-Ware visa a promoção da inovação e do empreendedorismo de forma a melhorar a comercialização dos resultados científicos associados à Bioeconomia “Verde” (Agroflorestal) e à Bioeconomia “Branca” (aplicações industriais e ambientais). O projeto centra-se no estudo e disseminação de informação sobre a bioeconomia, compreende ações de sensibilização e informação que contribuam para a concretização de projetos inovadores de Bioeconomia que possam ser desenvolvidos no seio das fileiras estratégicas da Região. Muito embora o projeto se concentre na região de Santarém, por vocação das entidades copromotoras, não se pretende limitar o seu âmbito de influência. Pelo contrário, pretende-se mobilizar a base científica e tecnológica nacional, de relevância e impacto crescente, para um reflexão e discussão em terno da temática, assim como a disseminação de conhecimento.

Este projeto pretende sensibilizar e disseminar a importância da bioeconomia e da sua integração nos setores relevantes para a região, promoção de lógicas de colaboração entre os atores nacionais direcionadas para a identificação e valorização de oportunidades de financiamento e promoção da geração de ideias em torno do desenvolvimento de projetos colaborativos entre empresas e entidades de ensino e de ciência e tecnologia. É um projeto financiado pelo COMPETE 2020 no âmbito dos fundos comunitários.

As inscrições nesta Mesa Redonda são gratuitas mas carecem de inscrição obrigatória, que deve ser realizada no portal da associação.