Agroalimentar Evento realizado

AGRO arranca com mais de 250 expositores

A AGRO- Feira Internacional de Agricultura, Pecuária e Alimentação, realiza-se entre os dias 10 e 13 de maio e será a maior edição desta emblemática feira do setor agropecuário. De acordo com a organização (InvestBraga), no total estarão presentes mais de 250 expositores e perto de 450 máquinas agrícolas, que ocuparão um espaço de exposição superior a 25 mil metros quadrados.

Recorde-se que esta será a primeira feira a realizar-se no novo Forum Braga, “um espaço que tem mais e melhores infraestruturas para a realização de eventos desta natureza e que quer posicionar Braga como uma cidade de referência para o Turismo de Negócios no Norte de Portugal e na Galiza”, lê-se no comunicado enviado às redações.

Neste sentido, a AGRO 2018 vai ter uma nova dinâmica e um programa de atividades diversificado ao longo dos quatro dias do evento. Sendo que a abertura da feira, no dia 10, contará com a presença do Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, que fará uma visita pelos vários espaços da AGRO, onde será acompanhado pelo presidente da InvestBraga, Carlos Oliveira, e pelo presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio.

“A AGRO é uma das mais importantes montras da agricultura portuguesa e vai continuar a apoiar e a divulgar aquilo que de melhor se faz no setor agroalimentar. Acreditamos que com as novas instalações do Forum Braga todos os expositores, participantes e visitantes terão melhores condições para tirarem o melhor proveito das atividades previstas para esta edição da AGRO”, explica Carlos Oliveira, presidente da InvestBraga.

Além dos habituais concursos pecuários, o programa deste ano contempla a realização de diversas conferências e ‘workshops’, que funcionarão como um espaço de partilha de conhecimento e de estratégias com o objetivo de impulsionar o setor primário em Portugal.  Mas esta não é a única novidade da edição deste ano: haverá ainda uma nova área totalmente dedicada à gastronomia e ao “agro-gourment”, na zona superior do novo pavilhão do Forum Braga.