Agropecuária Evento realizado

VIII Jornadas de Alimentação Animal debatem produção sustentável no horizonte 2050

A IACA – Associação Portuguesa dos Industriais de Alimentos Compostos para Animais realiza, no próximo dia 19 de Setembro, quinta-feira, as VIII Jornadas de Alimentação Animal. A principal temática do evento, que decorre em Fátima e conta com a participação de oradores nacionais e internacionais, é o impacto do setor na sustentabilidade do planeta e vai debruçar-se sobre formas de mitigação desse mesmo impacto em Portugal e no mundo, tendo em conta o crescimento previsto do consumo de carne a nível global, e uma posterior estabilização na União Europeia, até 2050, segundo análise de tendências do consumo realizada pela equipa do InovFeed, projeto a ser debatido, também, neste encontro.

Os destaques do dia vão para as intervenções de Divanildo Monteiro, Engenheiro Zootécnico e Professor no Departamento de Zootecnia da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e de Emídio Gomes, Vice-Reitor na mesma Universidade para a área da Investigação e Inovação e, também, Coordenador do InovFeed – Estratégias Alimentares Inovadoras para uma Produção Animal Sustentável, o mais recente Laboratório Colaborativo dedicado à investigação e inovação em alimentação animal, projeto de 2 milhões de euros que envolve 16 entidades e vai empregar 30 pessoas, na maioria investigadores. A intervenção de Divanildo Monteiro incide sobre o papel da Alimentação de Precisão na redução do impacto ambiental da produção animal e a intervenção de Emídio Gomes, versa sobre a inovação no contexto da produção de alimentos para animais em Portugal, nomeadamente no que respeita à descoberta de novas matérias-primas mais sustentáveis e, ainda assim, ricas em proteína. As VIII Jornadas de Alimentação Animal contam, ainda, com a intervenção de Carlos Buxadé, consultor internacional e professor emérito da Universidade Politécnica de Madrid que abordará os desafios e oportunidades que se apresentam à indústria de alimentação animal.

A propósito do evento, Pedro Folque, Diretor da Secção de Pré-Misturas e Aditivos da IACA, afirma: “Num momento em que o mundo se debruça sobre os impactos ambientais da produção agroalimentar, torna-se essencial fornecer às empresas ferramentas que possam reduzir e mitigar esse impacto.”

Já Jaime Piçarra, Secretário-Geral da mesma Associação acrescenta “Por outro lado, também é importante transmitir aos vários setores o que as empresas já fazem no sentido de controlar esses impactos, bem como o investimento que se propõem fazer, agora e no futuro, para responderem à necessidade mundial de aumento da produção de alimentos ao mesmo tempo que reduzem o impacto ambiental do setor, contribuindo para a sua Sustentabilidade e respondendo aos desafios da Sociedade”.

→Ficha de inscrição←