Política Agrícola

Presidente da República condecora a CAP

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa condecorou recentemente a CAP –  Confederação dos Agricultores de Portugal –  como membro honorário da ordem de mérito empresarial, na vertente Agrícola.

A distinção aconteceu no encerramento do Conselho de Presidentes da CAP que, durante dois dias, reuniu cerca de 300 dirigentes associativos para celebrar o 44º aniversário da Confederação. A Ministra da Agricultura também marcou presença.

“A CAP é um parceiro social para o nosso futuro coletivo. [Os seus fundadores] percorreram caminhos penosos para ultrapassar tradições corporativas e rejeições difíceis, até ganharem espaço vital e, mais tarde, espaço negocial e estratégico. Este já longo passado de 44 anos foi vivido, desde o início, sempre contra o vento e, muitas das vezes, no meio das condições mais adversas. É-lhe, por isso, devido um gesto de gratidão nacional. Gesto que hoje assumo condecorando a CAP com o título de membro honorário da Ordem de Mérito Empresarial, na vertente Agrícola”, anunciou Marcelo Rebelo de Sousa, no final do discurso que proferiu no encerramento do Conselho de Presidentes da CAP, que decorreu no dia 26 de novembro de 2019, para comemorar o 44º aniversário da Confederação, nascida a 25 de novembro de 1975.

Esta distinção, que constituiu uma surpresa para os dirigentes da CAP (pois não era conhecida a intenção do Presidente), foi o momento alto do evento que acolheu, em Tomar, mais de 300 dirigentes associativos da CAP, num fórum de reflexão sobre a Agricultura Portuguesa e os seus desafios para o futuro.