Na primeira pessoa

“Haja empresários e desenvolvam-se as estratégias, porque produtos de excelência não faltam”

Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal

Os agricultores têm necessariamente de se transformar em empresários agrícolas, mais inovadores, empreendedores e dominando as novas tecnologias. A este nível começa já a aparecer, com alguma expressão, uma geração mais nova e qualificada, com capacidade e recursos para requalificar o sector, que tradicionalmente tem sido pouco atrativo para esta faixa populacional. Haja empresários e desenvolvam-se as estratégias, porque não faltam produtos de excelência.

Estes e outros assuntos pode ler na íntegra na Revista Voz do Campo, edição n.º 232 (dezembro 2019).

Adquira aqui a Revista ↵