Editorial

“Uma nova década com muitos desafios na agricultura mundial”

A entrada num novo ano, e numa nova década, traz consigo uma preocupação acrescida no que concerne ao futuro da agricultura europeia e mundial.

Iniciamos agora uma nova fase, numa altura em que as mudanças climáticas são uma realidade e os sistemas agrícolas passam a enfrentar maiores desafios de recursos. Inovação; Intersecção de ciência e prática; Agroecologia como resposta às mudanças climáticas; Perda da biodiversidade e outros desafios relacionados com os recursos naturais; Sistemas alimentares; Tecnologias inteligentes e a integração paisagística da agricultura, são alguns dos temas que seguramente irão estar na ordem do dia. Destaque-se por exemplo o Fórum Anual para o Futuro da Agricultura (FFA) que vai acontecer em Bruxelas no próximo mês de março, com o objetivo de estimular discussões abertas sobre o futuro da agricultura europeia e mundial e ainda avaliar o que deve e o que pode ser alcançado.

Muito terá que ser discutido neste e noutros fóruns, tendo como pano de fundo duas grandes preocupações: as alterações climáticas e o aumento da produção alimentar, tendo em conta o crescimento exponencial da população mundial e a evolução dos seus hábitos alimentares. Por cá, a Ministra da Agricultura tranquiliza os agricultores ao garantir que o Orçamento do Estado para 2020 permite responder aos desafios inerentes ao desenvolvimento de uma agricultura ainda mais sustentável, competitiva e inovadora. O Orçamento de Estado apresentado recentemente contempla vários objetivos a alcançar, que indiciam boas linhas orientadoras, resta-nos agora acreditar na capacidade da nova Ministra para pôr em prática a correta aplicação das políticas que possam conduzir à boa execução orçamental em prol da agricultura nacional.

Editorial – Edição de janeiro 2020

Paulo Gomes, Diretor

Adquira aqui a revista ↵