Agroalimentar Agroindústria Hortofruticultura

Proença cria unidade agroindustrial para incubação de pequenos projetos

A Câmara de Proença-a-Nova criou uma unidade agroindustrial que tem como objetivo a incubação de pequenos projetos empresariais assentes na produção local, foi recentemente anunciado.

A Cozinha Partilhada – Unidade Agroindustrial, localizada em Montes da Senhora, tem recebido cada vez mais pedidos de cedência de instalações com vista ao desenvolvimento de novos projetos.

“Esta cozinha é uma incubadora que, além de permitir testar ideias dentro da vertente agroalimentar, realiza a condição de os próprios negócios se desenvolverem. O município faculta o espaço”, explica, em comunicado, o presidente desta Câmara do distrito de Castelo Branco, João Lobo.

Trata-se de um equipamento de gestão municipal que tem como objetivo a incubação de projetos empresariais compatíveis com a prestação de um serviço de qualidade diferenciada, assentes na produção local, que procurem testar ou implementar produtos no mercado e acrescentar valor à produção artesanal.

Neste momento, são 15 os pequenos empresários que utilizam este espaço industrial licenciado para desenvolverem os seus produtos e os apresentarem ao mercado.

O espaço está totalmente equipado, incluindo mobiliário, armário frigorífico e de congelação, fogão industrial a gás, máquina de embalamento a vácuo, abatedor de temperatura para congelação rápida, varinha mágica industrial, banho-maria, balança e espaço para escritório e sala de reuniões.

Serve para o desenvolvimento de várias atividades, como a produção de compotas, licores, cosméticos naturais, doces regionais, molhos e temperos, chocolates e conservação de hortícolas e frutas.

Só no último semestre de 2019, instalaram-se na Cozinha Partilhada cinco novos projetos para produção de doces e compotas, temperos, licores e cosméticos naturais e este ano o município de Proença-a-Nova já recebeu novos pedidos de instalação.


A Cozinha Partilhada é uma unidade agroindustrial licenciada para várias atividades alimentares, com produção industrial. Localizada em Montes da Senhora, trata-se de um equipamento de gestão municipal e tem como objetivo a incubação de projetos empresariais compatíveis com a prestação de um serviço de qualidade diferenciada, assentes na produção local, que procurem testar e/ou implementar produtos no mercado, no sentido de alavancar pequenos projetos existentes, valorizar a produção agrícola local e acrescentar valor à produção artesanal.

A utilização deste equipamento pode ser requerida ao Município através do Gabinete de Apoio ao Agricultor e Empresário (gapemp@cm-proencanova.pt).

Mais informação.