Floricultura Hortofruticultura Sanidade vegetal

Ajudas útéis para a poda das plantas com flores

Depois da flor ter murchado, proceder a uma pequena limpeza poderá ser a solução para ter um efeito que será surpreendente. Isto encorajará a segunda floração e dará muito bom aspecto à planta.

Apresentamos alguns dicas úteis na poda das plantas com flores:

Limpeza útil:

A maior parte das flores perdem o seu belo aspeto quando murcham. Algumas abandonam as pétalas e formam mesmo um pequeno tapete sujo: é o caso das camélias, as peónias e algumas rosas. No início é bonito (durante alguns dias) mas depois dá um aspeto bastante triste. Mais vale então fazer a limpeza ainda na planta. A estética não é a única coisa em jogo. Suprimir as flores murchas é um gesto simples que redirige a energia da planta para os rebentos novos e mesmo novos botões de flores. Por fim, a última razão é que na natureza as plantas estão programadas para dar sementes. E enquanto a planta não produzir sementes a natureza leva-a a continuar a dar flor. É por isso que as plantas estéreis (originadas de selecções hortícolas) continuam a dar flor até que cheguem as geadas.

Como proceder ?
Retire as corolas das flores murchas ou muito abertas logo que as primeiras pétalas comecem a escurecer. O método varia de flor para flor: limpe as roseiras e os arbustos com uma tesoura de podar, assim como as vivazes com caules grossos (peónias). Para as anuais e as vivazes de caule fino, cortar os raminhos com a unha logo abaixo das cápsulas que se formam. Não deixe ramos que não tenham flores ou botões.

Poda das plantas com flores

Roseiras
Corte logo abaixo da flor e não abaixo da primeira folha como muitas vezes vemos escrito. Deste modo a produção de novas flores é mais rápida.

Lilás
O melhor é antecipar e fazer bonitos ramos. Senão o fizer corte 20 cm abaixo dos caules com flores secas.

Poda das plantas com flores

Plantas floridas em vaso
corte na base os pequenos ramos (pedúnculos) que ligam as flores secas ao ramo principal.


Poda das plantas com flores

Bolbos e hemerocales
retire as flores murchas antes que estas comecem a produzir as cápsulas de sementes. Deixe o caule verde pois ele continua a fazer a fotossíntese e ajuda a fornecer a energia ao bolbo e aos pequenos bolbos à volta (e assim favorecer o aparecimento de flores no próximo ano).


Poda das plantas com flores

Dálias, íris e outras plantas de caule espesso
corte com tesoura de podar todo o caule que tiver flor murcha mas tenha cuidado para não cortar os botões.

Alguns gerânios vivazes, os delphinium, os tremoceiros produzem segunda floração se forem cortados rente ao chão depois da primeira floração. Faz-se o mesmo com a alchemilla mas apenas para que possa ter folhagem fresca. Em qualquer um dos casos faça-o com a tesoura grande de cortar.

As plantas ditas de auto limpeza
Felizmente, algumas plantas murcham tão discretamente que não necessitamos de fazer nada. É o caso das fúcsias, as lobélias, as salvas de folha pequena. Outras ficam sempre bonitas durante uma parte do Inverno apesar das suas cabeças secas e os pássaros apreciam bastante as sementes: é o caso das equináceas, as rudbeckias, os girassóis, as nigelas, os eryngium mas também as roseiras que dão lindas bagas (frutos da rosa) e outras plantas com bagas.

Poda das plantas com flores

Autoria: Jean – Michel Groult