Opinião

Agromais

Agromais procura diversificar clientes e mercados em nichos atrativos no segmento industrial

Tânia Silva, Diretora comercial e de marketing da Agromais

“A Agromais – Entreposto Comercial Agrícola tem atualmente 60 associados a produzir hortícolas para a indústria, que totalizam 1.550 hectares de onde serão colhidas 100 mil toneladas de produto. Num leque bastante diversificado listam-se a abóbora, batata, beringela, brócolo, cebola, curgete, ervilha, tomate, pimento, batata doce, representando 15% do volume comercializado pela Agromais. Estes produtos têm como destino dois segmentos de clientes: o mercado de fresco e as agroindústrias. No caso da agroindústria, fornece desde a indústria de congelados, às das refeições prontas, aos temperos e de snacks.

Para além de procurar diversificar o tipo de cliente, a Agromais procura igualmente encontrar alternativas noutros mercados externos, onde existem outros nichos atrativos no segmento industrial e sempre se pautou por um espírito de investigação e desenvolvimento, sendo prova disso os constantes campos de ensaio, e projetos em que nos envolvemos, procurando criar alternativas e gerar conhecimento para os agricultores quer em culturas, quer em novas formas de condução das mesmas. Posto isto, qualquer cultura pode ser analisada e estudada para percebermos se é viável nas zonas onde estão os nossos agricultores, se a mesma é rentável e se o seu escoamento pode ser viabilizado”.