EMPRESAS & PRODUTOS

A COTESI no mundo da embalagem e da proteção agrícola

A COTESI é reconhecida internacionalmente como uma referência no mundo agrícola, com uma gama vasta de produtos destinados à embalagem e proteção de culturas.

Dentro do ciclo agrícola, a nossa intervenção está presente em todas as fases:

Começa com Sacos e Big Bags destinados à embalagem de Sementes, Adubos e Compostos.

Continua com todos os produtos destinados à proteção da planta, com o conjunto de Agrotêxteis destinados a criar os ambientes ideiais ao seu desenvolvimento.

Telas de Solo, Corta Ventos, Telas Anti Granizo, Telas de Sombra, Telas Anti Pássaro, Telas Anti Escaldão.

Toda uma vasta oferta que estudamos com os Produtores e as suas Equipas Técnicas.

Na altura da colheita, os nossos Fios e Redes Agrícolas são utilizados no enfardamento de fenos, ervas e palhas. E uma vez mais os nossos Sacos e Big Bags são utilizados na embalagem dos produtos de colheita, cereais, frutos ou aromáticas.

Ao longo de todo o ano, os nossos Sacos e Big Bags são uma presença constante nas explorações agrícolas e nos nossos lares, na embalagem de Rações Animais e Animais de Companhia.

A inovação, o desenvolvimento de novos produtos, a procura constante de soluções que permitam a maior preservação dos recursos naturais, tudo isso faz parte do Mundo Cotesi.

Todas as nossas atividades comerciais são desenvolvidas por equipas técnicas com conhecimentos profundos do panorama agronómico nacional e internacional.

Agrotêxteis na proteção das culturas

Cada vez mais se fala de alterações climáticas com impactos muito negativos nas explorações agrícolas onde se manifestam. Nós acreditamos que recorrer a Seguros de Colheita, por mais eficazes que sejam, acrescenta custos elevados e no caso de uma ocorrência provocada por um fenómeno atmosférico adverso (granizos, chuvas e ventos fortes), não cobrem os danos provocados.

As nossas propostas vão no sentido de criar o ambiente mais benéfico para o desenvolvimento da planta, utilizando para isso um conjunto de Tecidos Agrotêxteis que, aplicados no solo, paredes laterais ou numa cobertura aérea, permitem criar uma “estufa gigante” onde é mais fácil controlar o ambiente e reduzir o stress sobre a planta.

Sistemas de proteção da planta devem ser considerados em qualquer projeto; proteger o fruto é uma questão de bom senso, não valem a pena as queixas recorrentes de chuva que danifica a cereja, do granizo que destrói a folha ou do pássaro que come o fruto quando maduro.

Proteção da cultura e do ambiente

A aplicação de Agrotêxteis permite reduções consideráveis dos recursos hídricos e a eliminação de químicos. Os materiais utilizados são produzidos com polímeros, com uma durabilidade extremamente elevada (8-20 anos), permitindo retornos de investimento entre 3-6 anos.

Estamos a trabalhar noutras soluções de materiais biodegradáveis, nomeadamente a utilização de Papeis Especiais mas no estado atual, conseguir um produto durável e económico ainda não foi conseguido. Para culturas com rotação elevada, caso de vegetais por exemplo, estes produtos são já viáveis na aplicação, apesar de serem mais caros que o plástico.

Algumas soluções:
  • Vinha

– Aplicação de Telas de Solo para redução de consumo de água e eliminação de infestantes.

– Aplicação lateral de Telas Mistas Anti Granizo/Sombra e Anti Pássaro.

  • Frutos Vermelhos, Maçã e Pera

– Aplicação de Telas de Solo para redução de consumo de água e eliminação de infestantes.

– Aplicação aérea de Telas Mistas Anti Granizo/Sombra e Anti Pássaro.

– Corta Ventos nas laterais da exploração ou entre linhas.

  • Frutos Secos

– Aplicação de Telas de Solo para redução de consumo de água e eliminação de infestantes.

– Corta Ventos nas laterais da exploração ou entre linhas.

  • Olival Tradicional ou Moderno em modo Biológico

– Aplicação de Telas de Solo para redução de consumo de água e eliminação de infestantes.

  • Aromáticas

– Aplicação de Telas de Solo para redução de consumo de água e eliminação de infestantes.

Autoria: Rui Marques, Cotesi

Artigo publicado na edição de janeiro 2021.