Bio Investigação

Estudo da influência da utilização de bioestimulantes naturais em mirtilos

mirtilo

A agricultura em Modo de Produção Biológico, bem como, a cultura do mirtilo em Portugal têm vindo a crescer e a desenvolver-se. Em conjunto, novos fatores de produção naturais não preferidos pelos consumidores e agricultores.

〈 15/08/2020 〉

Os bioestimulantes naturais surgem como produtos potenciadores o crescimento de plantas, que podem ter diversos efeitos na quebra de dormência, vingamento, nutrição e melhoradores da resiliência das plantas.

Com este trabalho pretende-se estudar a influência dos bioestimulantes Cytokin® e Glutabion®, na quebra de dormência qualidade e produtividade de mirtilos das variedades Draper e Ozarkblue.

Neste trabalho, realizaram-se observações de campo para verificação da evoloção da fenologia, fez-se contagem de frutos na planta para verificação da produção e analisaram-se os parâmetros de qualidade dos frutos peso médio dos frutos, ºBrix, pH, acidez e percentagem de matéria seca em laboratório.

Com este trabalho verificou-se que, os bioestimulantes Cytokin®, Glutabion® não apresentaram diferenças estatisticamente significativas, mas tendencialmente anteciparam o abrolhamento e melhoraram a produtividade dos mirtilos.

Com este estudo pode concluir-se que apesar de não terem existido diferenças estatisticamente significativas, estes produtos podem melhorar a antecipação, aumento da produção e qualidade dos mirtilos. Estes resultados porém pode dever-se ao facto da aplicação do Cytokin® e Glutabion® ter acontecido de forma descoordenada com a da endodormência, momento em que as plantas são mais sensíveis à aplicação de bioestimulantes.

» Consulte aqui o estudo completo.