Reportagem

Spirulina Artesanal da Tomar Natural tem vindo a suscitar muito interesse entre os seus consumidores

Ana e Luís Pereira são fundadores da Tomar Natural e produtores de espirulina.

Durante alguns anos trabalharam em diferentes países e no regresso a Portugal desenvolveram um projeto familiar numa antiga quinta localizada em Tomar, pretendendo contribuir para homenagear a sua história e a sua beleza, e para preservar o ambiente e a biodiversidade do local – encontrando na produção de espirulina artesanal um projeto de vida.

TOMAR NATURAL 

RESPONSÁVEIS: Ana e Luís Pereira 

LOCALIZAÇÃO: Tomar 

O SETOR DE ATIVIDADE: Produção de espirulina

De acordo com os produtores, conhecida como microalga, a Spirulina é uma cianobactéria (ciano=azul) com o nome científico de Arthrospira Platensis. É um microrganismo unicelular em forma de espiral que vive em meio aquático e que realiza fotossíntese. Tendo já sido considerada pela Organização Mundial de Saúde como um “alimento muito recomendado”, um dos “melhores alimentos para a humanidade”, é também considerado por muitos como um “superalimento”, cuja designação se atribui por ser natural, inteiro e por conter altos teores de vitaminas, minerais, aminoácidos, ácidos gordos essenciais e antioxidantes.

O processo produtivo na Tomar Natural consiste na reprodução da espirulina, em quatro tanques de água em circulação (com a utilização de rodas de pás), localizados dentro de uma estufa, com o objetivo de otimizar as condições de produção e evitar contaminações.

O inóculo inicial foi fornecido por outro produtor, utilizado para iniciar a reprodução no primeiro tanque e os restantes foram iniciados com inócuo da própria cultura (…).

Artigo completo publicado na edição de março 2021.