Inovação

Projeto da UÉ selecionado no Programa Promove

O AgroSatAdapt, coordenado pela Universidade de Évora (UÉ), foi um dos projetos-piloto inovadores recentemente selecionado e financiado no âmbito da 3ª edição do Programa Promove.

〈 26/07/21 〉

Após a avaliação das candidaturas apresentadas baseada em critérios de qualidade, inovação, impacto no território, sustentabilidade e potencial de desenvolvimento, o júri do Programa Promove decidiu aprovar este projeto coordenado pela Universidade de Évora que tem como principal objetivo gerar ferramentas analíticas que promovam a gestão da paisagem e do potencial produtivo da região com foco na sustentabilidade, através da utilização de dados de equipamento remoto (satélites e outros) e de dados climáticos, hídricos e socioeconómicos para caracterização de regiões dominadas por atividades agrosilvopastoris.

Refira-se que no total, foram recebidas sessenta e oito candidaturas de projectos-piloto, uma subida superior a 50% face a 2019, catorze propostas de ideias e dezasseis candidaturas à nova linha de projetos I&D mobilizadores.

Criado em 2018, o Programa Promove tem o objetivo de estimular iniciativas inovadoras em domínios estratégicos para o desenvolvimento das regiões do interior de Portugal, de modo a contribuir para o desenvolvimento sustentável dessas regiões numa iniciativa conjunta entre o BPI, a Fundação” la Caixa” e a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT).