Hortofruticultura

Batata portuguesa parte à conquista dos mercados externos

Em 2019, as exportações de batata somaram 28,5 milhões de euros. Os principais destinos foram Espanha, Alemanha, Holanda, Cabo Verde, França, Bélgica e Luxemburgo.

A Porbatata – Associação da Batata de Portugal – apresentou recentemente o Projeto de Promoção da Batata Portuguesa nos Mercados Externos, baseado numa profunda análise ao setor e a partir da qual se conclui que a aposta deve centrar-se na batata nova.

A base da estrutura do projeto é a criação de uma marca própria coletiva para a Batata de Portugal que destaque a qualidade e diferenciação deste produto, aproximando-o da origem, e cuja apresentação está prevista para o próximo dia 24 de novembro, no Mercado Abastecedor da Região de Lisboa, conforme avançou Sandra Pereira, a Secretária-geral da Porbatata, durante a sessão.

Até 2022, a Batata Portuguesa será promovida em França, Alemanha, Espanha, Holanda, Emirados Árabes Unidos, Eslovénia e Angola, mercados considerados estratégicos pela Porbatata, que desenhou um conjunto de iniciativas para divulgar e valorizar a batata nacional.

A presença em eventos internacionais e a realização de ações de prospeção de mercado estão também nos planos. A Porbatata pretende ainda organizar um Concurso Internacional da Batata Portuguesa em França.

Este projeto é apoiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização e prevê um investimento global de 352.988 euros, financiado em 85% pelo FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.