Na primeira pessoa

❝ Assinala-se, hoje, o Dia Mundial da Segurança dos Alimentos ❞

Maria do Céu Antunes, Ministra da Agricultura 

“Sendo parte da missão, diária, da Agricultura, a garantia de produtos seguros, em quantidade suficiente, é, também, um desafio crescente, designadamente num contexto marcado pelos efeitos das alterações climáticas.

Um desafio cuja relevância se tornou ainda mais evidente no cenário pandémico que atravessamos, que veio corroborar o papel da alimentação na manutenção da nossa saúde e bem-estar. Aliás, a segurança alimentar é uma das prioridades definidas pela Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia para a Agricultura.

Por isso, hoje, quero deixar uma palavra de agradecimento e reconhecimento a todas e a todos que, no setor agroalimentar, contribuem para o cumprimento desta missão e para sistemas alimentares mais seguros, sustentáveis e competitivos.

Vamos continuar a trabalhar juntos, procurando um diálogo próximo e a partilha de esforços e objetivos. Valorizando a estratégia “Do Prado ao Prato” e prosseguindo a abordagem “Uma só Saude”, queremos promover a garantia da saúde humana, da saúde animal, da fitossanidade e da saúde ambiental numa perspetiva integradora dos ecossistemas a várias escalas. E com mais inovação, tecnologia e conhecimento, designadamente mediante a implementação da Agenda TerraFutura, estou certa de que os produtos nacionais vão, cada vez mais, afirmar-se e projetar-se como exemplos a seguir”.