Agrociência

Plantas Medicinais Imunomodeladoras

Ana Lorena 1 & Ana Isabel Cordeiro2
1 Naturopata. Direção Clínica Espaço ANEROL.
2 Departamento de Ciências Agrárias e Veterinárias.
Instituto Politécnico de Portalegre.


Em medicina as plantas medicinais são utilizadas nos contextos tecnológico e económico como fonte de matérias-primas, com finalidade terapêutica, ou para isolamento de sustâncias bioativas que entram na formulação de produtos de síntese

A medicina convencional ainda não reconhece o valor dos fitoterápicos, o que levou há décadas atrás a Organização Mundial de Saúde (OMS) a criar programas de pesquisa científica, com o objetivo de categorizar de forma sistemática as propriedades terapêuticas, usos médicos, respetiva posologia e partes da planta utilizadas, efeitos adversos e toxicidade, interações com outros fármacos, recorrentes da atividade da planta, na tentativa de efetivar os seus mecanismos de ação.

Diferentes estudos avaliaram substâncias constituintes de determinadas variedades, como polissacarídeos, lectinas, peptídeos, saponinas, óleos, entre outras, verificando atividade imunomodeladora (…).

Adquira o artigo completo na edição de dezembro 2021.

 

Desenvolvimento completo e outros artigos exclusivos
  • Na Revista Voz do Campo:

Edição de Dezembro ’21

 

Saiba mais e mantenha-se atualizado

Clique aqui ↓ subscreva a nossa revista.