Grande Entrevista

❝ Os nossos agricultores estão a investir numa ótica de competição com os mercados mais maduros dotando-se de tecnologia própria para competir

Licínio Pina, presidente do Grupo Crédito Agrícola

Fundado em 1911 o Grupo Crédito Agrícola teve como foco inicial o apoio ao financiamento de agricultores em Portugal. Ao longo da sua centenária história, expandiu a sua atividade no âmbito bancário e segurador e hoje, para além das Caixas Agrícolas e da Caixa Central, o Grupo é composto por um conjunto de empresas de especialização bancária e seguradora.

Refletindo desde sempre a sua atividade no meio das comunidades rurais, dando especial atenção ao segmento da Agricultura, Silvicultura e Agroindústria, não esquecendo as cadeias de comercialização associadas, hoje em dia o setor agrícola continua assim a ser um dos mais importantes para o Crédito Agrícola, assegura o presidente do Grupo Crédito Agrícola, Licínio Pina.

Como é constituído o Grupo Crédito Agrícola?

O Grupo Crédito Agrícola (GCA) é o único grupo financeiro português, cooperativo, constituído atualmente na sua base por 75 Caixas de Crédito Agrícola, que conta com mais de 400 mil cooperantes, detendo a maior rede bancária do país, com 630 agências localizadas essencialmente em territórios de baixa densidade, associadas na Caixa Central que é a cabeça de grupo.

Foi fundado em 1911, tendo como foco inicial o apoio ao financiamento de agricultores em Portugal. Ao longo da sua centenária história, expandiu a sua atividade no âmbito bancário e segurador. O Grupo é composto, para além das Caixas Agrícolas e da Caixa Central, por um conjunto de empresas de especialização bancária e seguradora.

É um banco de portugueses para portugueses, com capitais exclusivamente nacionais, tendo sido reconhecido pelo mercado como o melhor Banco da sua categoria através da “Escolha do Consumidor 2021”, e tem sido pioneiro na oferta de serviços de pagamento inovadores aos seus clientes.

A atividade do Grupo Crédito Agrícola é tão valorizada pelas comunidades, que atualmente é reconhecido como banco privado com funções públicas, tais são as suas características de proximidade para o desenvolvimento dos territórios

A atividade do Grupo Crédito Agrícola é tão valorizada pelas comunidades, que atualmente é reconhecido como banco privado com funções públicas, tais são as suas características de proximidade para o desenvolvimento dos territórios (…).

Entrevista completa e outros artigos exclusivos
  • Na Revista Voz do Campo:

Edição de janeiro ‘2022