Agropecuária Evento realizado Hortofruticultura Sanidade vegetal

Palma de figo da índia na alimentação de ruminantes é tema da próxima sessão do ciclo de conferências promovido pelo CEBAL

Foto: Bovinos a alimentar-se de palma forrageira no Brasil

Na próxima terça-feira, dia 17 de maio, pelas 14h30, realiza-se a sessão online “Aspetos agronómicos e uso do Figo da índia como forragem na dieta de ruminantes: Experiência Brasileira”, com Francisco Carvalho, Professor da Universidade Federal Rural de Pernambuco, no Brasil, no âmbito do Ciclo de Conferências “Coprodutos Agroindustriais & Alimentação Animal – Para uma produção animal circular”, organizado pelo Centro de Biotecnologia Agrícola e Agroalimentar do Alentejo (CEBAL).

〈  publicado em 13 / 05 / 2022  〉

Nesta sessão a palma do figo da índia estará em destaque e serão apresentados os aspetos agronómicos do seu cultivo, como as espécies cultivadas, a produção de matéria/ha e o custo, trabalho que tem vindo a ser desenvolvido no Brasil e acompanhado pela equipa de investigação coordenada por Francisco Carvalho, Professor da Universidade Federal Rural de Pernambuco, no Brasil. A palma forrageira, é já muito utilizada para a alimentação de ruminantes no Brasil, pelo que serão também apresentados resultados, vantagens e limitações do uso de palma forrageira na dieta de ruminantes, como vacas e cabras leiteiras e ovinos de carne, e o efeito na qualidade dos seus produtos.

A sessão online poderá ser acompanhada em direto na plataforma zoom em: https://lnkd.in/eSV2Zz7X.

É aberta ao público e pretende chegar a todos os interessados no tema. Esta iniciativa está inserida nas atividades do Dia Internacional do Fascínio das Plantas, que se assinala no dia 18 de maio, e que procura despertar o entusiasmo e chamar a atenção para a importância da ciência das plantas em diversos campos, da agricultura e produção sustentável de alimentos à horticultura, silvicultura e produção de bens não-alimentares.

O CEBAL, em colaboração com o Fórum da Economia Circular do Alentejo (FECA), irá continuar a promover este Ciclo de Conferências, bimestralmente, em que convidará investigadores, produtores ou outros agentes ligados à nutrição e produção animal, com o objetivo de promover a utilização de subprodutos agroindustriais na alimentação animal, contribuir para fomentar a partilha de experiências e dinamizar estratégias de circularidade entre as agroindústrias e o setor pecuário.