Estatísticas Floresta

Contas Económicas da Silvicultura

Em 2020, o VAB da silvicultura diminuiu 6,5% em volume e 8,5% em valor – 2020

〈 21 / 06 / 2022 〉

Em 2021, o saldo da balança comercial dos produtos de origem florestal atingiu 2,7 mil milhões de euros, o valor mais elevado em 5 anos.

Em 2020, o Valor Acrescentado Bruto (VAB) da silvicultura decresceu em volume e em valor (-6,5% e -8,5%, respetivamente), mantendo a tendência decrescente registada desde 2015.

A produção diminuiu em termos nominais e reais (5,8% e 7,2%, respetivamente), em resultado do decréscimo generalizado em todos os produtos silvícolas, com exceção da madeira para energia.

O saldo da balança comercial dos produtos de origem florestal atingiu um máximo em 2021, tendo aumentado de 2,4 mil milhões de euros, em 2020, para 2,7 mil milhões de euros. Os produtos à base de cortiça continuam a apresentar o maior excedente comercial (997,2 milhões de euros), tendo alcançado o valor mais elevado dos últimos cinco anos (mais 101,9 milhões de euros do que em 2020).

O peso relativo das exportações de materiais e produtos industriais de origem florestal no total de exportações aumentou de 8,6% em 2020 para 8,8% em 2021.

Informação disponibilizada pelo INE.

→ Aceda aqui ao documento oficial ←

 

Subscreva a nossa revista mensal e mantenha-se atualizado: